NOTÍCIAS

O futuro passa pelo Marketing Multinível.

09 AGO 2018

Dentre as muitas formas de venda direta, entre as mais inclusivas e com potencial de formar comunidades e redes interdependentes, destaca-se o Marketing Multinível.Em um mundo conectado por redes virtuais, pode-se perguntar qual é o futuro de uma rede física. A verdade é que nunca houve uma oportunidade tão brilhante para esse modelo, dentro do canal de venda direta. A tecnologia simples e acessível dos celulares e diversas redes sociais alavancam exponencialmente o alcance individual que há pouco mais de quinze anos, dificilmente iria além de sua lista imediata de relacionamentos e seus contatos “frios”.

Claro que as habilidades requeridas se tornam mais complexas, mas por outro lado os recursos disponíveis multiplicam as possibilidades. Mais do que isso: começa a ganhar forma uma revolução no modelo, que gradativamente está sendo adotado pelos millennials.

A possibilidade de experimentar e empreender, sendo senhor de seu tempo dedicado e espaço é algo quase irresistível para as novas gerações. A venda direta no modelo Marketing Multinível quase parece ter sido criada para prosperar em um mundo onde nenhum negócio, que não seja viável através das redes virtuais e internet, possa existir. Neste modelo, as pessoas têm a oportunidade de ir além da revenda de produtos para o consumidor final e podem também liderar organizações de vendas.Nesse cenário, se faz necessária uma adaptação imediata. Não só pela demandada infraestrutura digital oferecida, mas também pela maneira com que o negócio é conduzido. Cada consumidor tem hoje muito mais poder de reverberar de maneira exponencial a sua opinião. Às empresas caberão garantir que a experiência seja única e tão diferenciada quanto possível e a promessa oferecida seja cumprida.

O futuro já começou.Monitorar e multiplicar as informações positivas da jornada de cada consumidor e revendedor talvez seja o grande desafio do setor de vendas diretas nos próximos anos.Entramos em uma nova fase do Marketing Multinível, onde mais do que nunca o ecossistema em que consumidores, revendedores e indústria estará conectado e autorregulado. A próxima experiência com esse canal será multifacetada e multitela, mas sem prescindir do revendedor, que poderá se fazer presente 24 horas por dia e sete dias por semana.
Fonte: DCI

VEJA TAMBÉM