NOTÍCIAS

44% das empresas estão sem caixa para pagar empréstimos.

08 AGO 2018

A expectativa positiva dos empresários no planejamento de 2018 não se concretizou. Pelo contrário, cerca de 44% das empresas paulistas que recorrem ao financiamento bancário estão com dificuldade de gerar caixa para pagar parcelas das dívidas. Os dados fazem parte da pesquisa “Rumos da Industria - Relacionamento com Bancos e Refinanciamento de Dívidas” feita pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), com quase 500 empresas, em julho. O estudo aponta que 12,4% das empresas estão com parcelas atrasadas. Cerca de 8,2% atingiram um número tão grande de parcelas em aberto que sofrem bloqueio de movimentações.

Além disso, 70,7% têm alguma dificuldade no relacionamento com o banco, e 31,5% estão com dificuldades para pagar prestações de empréstimos. Um impacto que atinge principalmente empresas de pequeno e médio portes. Uma vez que elas são fornecedoras de grandes e representam parcela maior do universo empresarial do Brasil, o temor é que elas possam desencadear crise na cadeia de fornecimento de insumos e peças, enfatiza o presidente em exercício da Fiesp e do Ciesp, José Ricardo Roriz. “Multinacionais conseguem recursos, pedindo crédito à matriz ou no mercado internacional. As grandes nacionais têm financiamento de banco e debêntures, o que faz toda a diferença.”
Fonte: DCI

VEJA TAMBÉM